Pasar al contenido principal
Disponible enPortuguês

Relatório de pesquisa: avaliaçao dos critérios de sustentabilidade dos financiamentos apoiados pelos fundos constitucionais brasileiros

Publication cover

Relatório de pesquisa: avaliaçao dos critérios de sustentabilidade dos financiamentos apoiados pelos fundos constitucionais brasileiros

Autor institucional: NU. CEPAL-German Agency for Technical Cooperation Descripción física: 64 páginas. Editorial: CEPAL Fecha: marzo 2009 Signatura: LC/W.237

Descripción

O objetivo deste relatório é avaliar os critérios e indicadores de sustentabilidade ambientais dos programas apoiados pelos Fundos Constitucionais do Centro-Oeste (FCO), do Nordeste (FNE) e do Norte (FNO). Cabe ressaltar que cada Fundo possui programas específicos voltados ao desenvolvimento sustentável, quais sejam: FNE Verde (FNE), Pronatureza (FCO) e FNO Amazônia Sustentável (FNO). A pergunta central da pesquisa é saber se os critérios e mecanismos utilizados pelos agentes financeiros são adequados o suficiente para selecionar projetos que tenham ênfase na conserva ção ambiental. A questão decorrente é sugerir que instrumentos ou mecanismos podem ser desenhados para aumentar a relevância e eficiência de critérios ambientais na análise dos projetos, bem como melhorar o desempenho dos programas especialmente voltados para projetos que valorizem o meio ambiente. A metodologia utilizada para efetuar a análise consistiu na realiza ção de entrevistas com técnicos dos bancos responsáveis pela gestão dos Fundos e na análise dos planos de aplica ção dos recursos dos Fundos e outros documentos divulgados publicamente pelos bancos gestores e órgãos controladores. Originalmente, a idéia era também realizar uma análise do ciclo de vida de projetos, escolhidos aleatoriamente, para entender como as variáveis ambientais foram incorporadas na prática. No entanto, devido a razões de sigilo bancário, os bancos responsáveis responderam que não poderiam disponibilizar os dados dos projetos aprovados, e por isso esse tipo de análise não pode ser efetuada. Os Fundos foram analisados separadamente, de acordo com seus objetivos e potencialidades regionais. Porém, foi verificado que os problemas são quase sempre comuns à gestão dos três Fundos e, pela mesma razão, as sugestões e solu ções que visem aprimorar a eficiência ambiental dos programas são bastante semelhantes. Dentre os problemas identificados, a heterogeneidade dos critérios de análise de risco ambiental dos programas constitui um entrave ao aprimoramento dos Fundos. No sistema atual, o procedimento para a concessão de recursos é baseado na exigência de licen ça ambiental e à análise de crédito por parte do técnico do banco gestor, que observa os riscos de crédito e os impactos ambientais envolvidos na implementa ção do projeto. é facultado ao setor de análise a incorpora ção de exigências extra-legais, mas essa decisão não ocorre de forma homogênea entre projetos, o que confere significativa importância à interpreta ção individual do analista sobre o assunto.