Você está aqui

Disponível em:EnglishEspañolPortuguês

O investimento estrangeiro direto na América Latina e Caribe 2012: documento informativo

Publication cover
Autor institucional:
  • NU. CEPAL. Unidad de Inversiones y Estrategias Empresariales
Signatura: LC/G.2571-P ISBN: 9789212210940 13 p. : gráfs., tabls. Editorial: CEPAL janeiro 2013

Descrição

Pelo terceiro ano consecutivo, os países da América Latina e do Caribe continuaram atraindo fluxos crescentes de investimento estrangeiro direto (IED). O resultado alcançado em 2012 foi particularmente significativo porque ocorreu num contexto internacional de acentuada redução dos fluxos mundiais de IED. Os efeitos do novo aumento do IED registrado em 2012 refletem-se também num aumento da participação da América Latina e do Caribe nos fluxos mundiais, que se situou em 12%. Sem dúvida, o crescimento econômico da região (3%) e os altos preços internacionais dos recursos naturais contribuíram para manter o nível alcançado no último ano pelo investimento estrangeiro na região. Este documento apresenta um panorama quantitativo das entradas de IED e analisa a importância relativa dos diferentes setores econômicos de destino e a origem geográfica desses fluxos de capital. Além disso, examina o desempenho do IED originado nos países da América Latina e do Caribe, prestando especial atenção ao processo de expansão internacional efetuado por algumas das maiores empresas da região, as chamadas translatinas. O documento analisa também o fenômeno da renda do IED —que adquiriu uma importância crescente ao longo dos últimos dez anos— e examina em detalhes o IED no setor agrícola.

Índice

I. Panorama do investimento estrangeiro direto na América Latina e no Caribe .-- II. Os lucros das empresas transnacionais: repatriações e reinvestimentos .-- III. O investimento estrangeiro direto no setor agrícola e agroindustrial da América Latina e do Caribe .-- Considerações finais